O intelectual Ornitorrinco Chico de Oliveira: um bichinho pequeninho, feio, horroroso e venenoso.

Desde quarta feira quando tomei conhecimento da entrevista de Chico Oliveira no Roda Viva, através do blog do Nassif, tenho pensado se vale a pena ou não comentar tal personagem, e chegue a conclusão que sim. E ao fazê-lo, quero analisa o programa e o entrevistado tendo em vista o auto índice de parcialidade de ambos, o que a meu ver beira a cumplicidade; os afagos dos entrevistadores para com o entrevistado e vice versa, é incomum, quase uma troca de favores já que o professo Chico não tem luz própria e faz de seus ataques pessoais ao presidente Lula, o trampolim para atrair sobre si um pouco de luz ainda que seja artificial e para isto ele aceita ser usado pela mídia do PIG.

Para não permitir que uma figura como esta repita num programa de tv, o que fez na ultima segunda ao destilar seu ranço contra o presidente Lula, me decidir contesta-lo; vi e revi sua entrevista para poder entender e analisar tal figura. Não o farei de um só vez, vou começa pela transcrição de partes da sua entrevista para na sequencia, refuta-lo paragrafo a paragrafo

00:01:35 Começa a fala de participação do intelectual, chico no roda viva diante da pergunta do apresentador Mario Sergio Conti sobre a aliança PT e Maluf tasca; é o fracasso da politica e o fim do PT

00:01:47 Ele explica que partido é tomar parte.

00:03:25 Mario Sergio Conti afirma que ele esta no PSOL e se ele acha que o PSOL é opção ao que ele responde que NÃO

00:04:09 Cita Gabriel Garcia Marques para dizer que a historia do PT é inrepetivel.

00:05:11 Ele discorre sobre os elementos criadores do PT que ele dividiu em três forças

00:05:28 Ele cita a terceira força os sindicalistas chamados de autênticos, e a testa deles estava Lula e emenda, que uma conjunção desta e com a qualidade dos atores não se repete

00:06:59 Começam a acariciar o ego do tolo com sorrisos que representam aplausos

00:08:19 Ele cita Aristóteles

00:08:52 Diz que não se deve esperar milagres da politica já que a mesma é feita por homens e mulheres que cometem equívocos e erros

00:10:30 Como não poderia deixar de ser o relator chefe da revista época faz sua primeira intervenção para perguntar sobre o assunto preferido do PIG o mensalão

00:12:17 Chico diz que a imprensa tem muita responsabilidade para fazer uma discursão sbre esse tema

00:12:35 Ao responder sobre a existência ou não do mensalão é interrompido por Noblat que pergunta se Lula não lhe contou nada; a base de risos

00:12:50 Chico diz que Lula é uma personalidade que a imprensa ainda não o descobriu

00:12:53 Noblat interrompe e diz que seria interessante que ele falace sobre este lula que a imprensa desconhece ao que o professor responde que não o conhece mais do que a própria imprensa e que o que sabe do mensalão é o que a imprensa revelou e por isto esta convicto de sua existência

00:19:00 Mario Sergio Conti pergunta se ele tem ímpeto de vingança sobre as pessoas que o torturaram ele prontamente com ar de quem não guarda rancores diz que não.

00:22:05 Ele já tinha dito que não conhecia Lula mais do que a imprensa, mais Ricardo Noblat instiga o tolo que num primeiro momento demostrando uma falsa modéstia, ele desconversa e não dar a resposta que Noblat tanto busca

00:23:47 Noblat atropela a pergunta de uma companheira de bancada e instiga de novo e ele diz que Lula é muito mais esperto do que se pensa  e completa “ele não tem caráter”

Olé Noblat ouviu finalmente o que queria

00:25:18 Compara os autos índices de aprovação de Lula aos mesmos índices que titio Adolf para delírio da bancada

00:25:30 Diz que lula não liderou nada no abc

00:25:41 Disse que Mario Sergio Conti é jornalista que tem responsabilidade

00:27:00 Diz que os sindicalistas que fundaram o PT foram para a esquerda empurrados pelos movimento sociedade

00:28:07 Noblat vai de novo para o tema que vai nortear o programa “Lula não tem caráter” aliciando o bobo

00:28:30 O redator da época pega o mesmo tema

00:29:00 Ele diz que Lula é uma vocação de caudilho (em espanhol, caudillo) “refere-se a um líder político-militar no comando de uma força autoritária.” E complementa que caudilho é a ante sala de um ditador

00:30:28 Ele pergunta de maneira deselegante, apontando o dedo para Liliana Lavoratti editora chefe do jornal DCI e pergunta a que meio de comunicação ela pertence e na sequência pergunta se ali não tem ninguém da veja pois queria o testemunho da revista que tem uma matéria em que Lula teria dito o que gostaria de ser rico e anônimo.

00:31:55 Vem de Mario Sergio Conti a pergunta de comparação de Lula com Vargas  ao que o professor responde que nem apelando para são Luiz Gonzaga é possível fazer tal comparação e mais uma vez arranca aplausos da bancada assim demostra de forma clara sua defesa ao autoritarismo

00:32:41 Induzido por Mario Serjo Conti ele confirma que Lula esta mais para Chaves

00:32:59 Explica nossas origens Ornitorrinco sobre aplausos

00:34:46  Ele diz que esta fazendo um esforço enorme para aquilo que as ciências sociais tem muita dificuldade para entender “o caráter do povo” e cita Norberto Elias sociólogo alemão

00:38:00 Ele cita um cientista politico argentino

00:38:40  Ele elogia a democracia californiana que segundo ele chama os eleitores para decide questões politicas

00:44:18 Diz que os benefícios sociais vem desde Sarney

00:44:50 Diz que ideologicamente marxista e eticamente cristão

00:45:36 O redator chefe da revista época aproveita para perguntar-lhe sobre FHC seu amigo de fundação do cebrap e ele emenda que FHC era o líder indiscutível da quele processo

00:47:00 Fala que os americanos são genocidas que dizimaram civilizações evoluidíssimas e que não servem de exemplo para nada

00:48:00 O redator da revista pergunta indagando como ele desse que Lula não era nem de esquerda nem de direita FHC foi de esquerda e ele repode que sim que FHC tinha sido até do PC do B

00:57:30 Fala de um grande teórico alemão Rudolf num sei das quantas e outro Bernstein da social democracia

1:08:20 Cita o sociólogo alemão Norbert num sei das quantas

1:12:28 Ainda não é possível identificar qual é a marca que o Brasil vai deixa no mundo diz ele

1:22:40 O Ricardo Noblat recorre ao arquivo e cavalheirescamente lhe pede desculpa mas acaba lendo um texto em que ele teria dito em 2006 que, o segundo mandato de Lula seria igual ou pior que o primeiro

1:22:45 Noblat se diz preocupado com que o eleitor do PT vai pensar do programa

1:24:00 De novo o senhor recorre ao tio Adolf Hitler e diz que ele atingi-o o nível mais alto de popularidade na Alemanha e deu no que deu

1:26:44 Sita Nelson Rodrigues e o conceito de Vira-Lata e da um dado  revelador o de  que somos a segunda economia mas consistente do século 20 a segunda de maior em crescimento  só perdendo para o Japão; de Teodoro a Lula foi de 4,6% ao ano ele afirma

E aqui esta, a entrevista do Sábio na integra

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s